O Brasil possui uma das cargas tributárias mais altas do mundo, em patamar de países desenvolvidos, contudo, esses países devolvem esses impostos à população em melhores serviços, o que no nosso país infelizmente não sentimos de forma clara.

Segundo o IBPT- Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação, o brasileiro trabalha em média 5 meses do ano somente para pagar tributos.

A carga tributária do Brasil é a segunda mais alta da América Latina, ficando atrás apenas de Cuba.

Diante dessas informações:

Você já parou para pensar que o seu custo tributário, pode ser superior ao custo de produção ou operação da sua empresa?

Ao questionar-se desta forma, se dá a mudança do mindset do empresário, e assim o estabelecimento da importância do Planejamento Tributário dentro da sua empresa.

O planejamento tributário é o gatilho que pode desencadear várias mudanças na sua empresa. Visando otimizar os recursos e possibilitar a tributação da melhor forma possível, essa ferramenta quando utilizada de maneira eficaz é uma das alternativas para o destaque da sua empresa em tempos de crise.

Para um planejamento tributário bem sucedido, primeiramente há de esclarecer alguns princípios básicos desta ferramenta estratégica de economia.

Para que este seja realizado de forma eficiente e confiável é necessária a imersão na operação da empresa, caracterizando e conhecendo a fundo o negócio.

É necessário também, realizar o planejamento pautado na elisão fiscal, ou seja, utilizando métodos legais para diminuir o peso da carga tributária no orçamento, bem como, respeitando o ordenamento jurídico.

Ao pautarmos o planejamento tributário na elisão fiscal, fugimos do risco fiscal e assim, evitamos autuações e fiscalizações. Pois mantendo a licitude, a clareza e a transparência no planejamento, alcançaremos o resultado mais seguro.

Segundo pesquisa da Studio Fiscal publicada em 2018, 76% das empresas optantes pelo Simples Nacional pagam mais tributos do que realmente deveriam, e 95% das empresas de Lucro Real e Presumido pagam tributos a maior também.

O que deve ser compreendido, é que o planejamento tributário vai muito além da escolha certa do regime de tributação da empresa para aquele exercício, mas trata-se de um trabalho completo, visando corrigir desvios desde a entrada do material na empresa até sua posterior saída.

Propor alternativas societárias, indicar e avaliar o proveito econômico para os cenários analisados.

O planejamento tributário deve ser a ferramenta de alavancagem de sua empresa em meio a crise dos dias atuais.

Conte conosco para ajudá-lo nessa tarefa.

Deixe seu comentário

Fale Conosco

+55 11 2532-7173

Horários

Segunda - Sexta: 8h00 - 18h00

Endereço

Av. Regente Feijó, 944 - Sala 1303 AAnália Franco - São Paulo

Skoberg Pires © 2019 Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Agência Havah.